O inventário do inventário do estado de conservação

Par Hélène Baratte le 03/10/2011 | Theme : Arrendamento/Co-arrendamento

Voltar à lista

Parte oposta à realização do inventário do estado de conservação

De acordo com a lei francesa de 6 de Julho de 1989, a qual dispõe sobre o imóvel não mobilado que constitui residência principal do inquilino, se uma das partes (proprietário e inquilino) se opõe à realização do inventário do estado de conservação, a outra parte pode recorrer a um oficial de justiça por meio de carta registada, para fixar a data da visita, com ao menos sete dias de antecedência.

Neste caso, as despesas da realização do inventário são divididas entre o senhorio e o inquilino.

Quando uma das partes mandata um oficial de justiça ou qualquer outro profissional para a realização do inventário do estado de conservação sem que haja oposição da parte adversa à realização amigável, as despesas com a realização do inventário incumbem, em sua totalidade, à parte que mandatou o profissional.

No caso de arrendamento mobilado, o proprietário pode adicionar uma cláusula no contrato para que sejam incumbidas ao inquilino todas as despesas com a realização do inventário.

Publicité
Crédit Immobilier

Avez-vous pensé à votre Crédit ? ImmoStreet.com vous propose de faire une simulation en ligne gratuite.
Faire une simulation ›